Após séculos de uma lenta, porém agressiva, expansão, a influência de um tirano cresceu.

Seus seguidores não encontraram problemas em seguir seus ideais. Serem fortes, dominarem os mais fracos. Serem reconhecidos, respeitados e adorador por sua “supremacia”.

Essa linha de pensamento abre portas para todo tipo de abuso. Escravidão, assassinatos e estupros. A influência e o poder crescem, mas deixando um rastro de rancor atrás de si.

Agora, o tirano é soberano. Lidera seus iguais. Seu ponto de vista pode ser considerado o principal do mundo. Ele nada teme, nada o ameaça.

É hora de terminar com isso. Chegou o tempo da liberdade.

Os elfos foram os que mais sofreram com tal ascenção. Foram pegos desunidos e despreparados após serem massacrados por uma aliança obscura. Sua deusa desistiu de seu posto, buscando vingança. Vendeu-se ao Tirano.
Seus seguidores abandonaram as esperanças logo em seguida.

Mas não todos.

Existe alguém disposto a erguer-se e, contra todas as probabilidades, lutar contra o destino. Há muito ele não se aventura, mas, ao lado de seus antigos companheiros, a luz da esperança brilhará novamente.

Com a silhueta de um lobo.

Quatro aventureiros. Contra um tirano.

Quatro amigos.

Contra um Deus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s